Grupos de Trabalho

A Abrapcorp, cumprindo seu objetivo geral de estimular o fomento, a realização e a divulgação de estudos avançados, resultantes de pesquisas nas áreas de Comunicação Organizacional e Relações Públicas, mantém o desenvolvimento de Grupos de Trabalhos (GTs).
Todos eles representam temas emergentes das áreas de interesse da Abrapcorp e demonstram uma evidente capacidade de incentivar e fomentar a interlocução entre Programas de Pós-Graduação, linhas de pesquisa e Grupos de Pesquisa ligados à Comunicação Organizacional e às Relações Públicas.
Os GTs são espaços constituídos a partir da participação efetiva de seus associados, respeitando seus interesses e suas expectativas de pesquisa e de estudo e, também, suas práticas profissionais.

GT 1: COMUNICAÇÃO, ÉTICA E ALTERIDADES EM PROCESSOS RELACIONAIS DE SUBJETIVAÇÃO E CONFLITOS NO AMBIENTE ORGANIZACIONAL

Ementa: Ética nas organizações e desafios morais trazidos pelo encontro com a alteridade. Perspectiva crítica acerca do estudo das vulnerabilidades que se apresentam de modo situacional, relacional e político nas relações de trabalho. Processos de injustiça e modos de resistência nos ambientes organizacionais, conflitos morais e de interesses. Enquadramentos institucionais, processos de subjetivação e (des)valorização do sujeito como ator político no contexto organizacional. Assimetrias e naturalização de ideologias neoliberais no processo de precarização do trabalho. A dimensão política do contato com as alteridades nos âmbitos interno e externo das organizações. Corpo, sofrimento e vitimização em testemunhos e narrativas de atores organizacionais.

Palavras-chave: Ética; Alteridades; Comunicação organizacional; Subjetivação; Trabalho.

Coordenação: Profa. Dra. Ivone de Lourdes Oliveira (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais/PUC-MG)

Vice-coordenação: Profa. Dra. Ângela Cristina Salgueiro Marques (Universidade Federal de Minas Gerais/UFMG)

 

GT 2: COMUNICAÇÃO, CONSUMO E ORGANIZAÇÕES

Ementa: A partir de teóricos contemporâneos da comunicação e de diferentes campos de conhecimento, objetiva-se problematizar as questões relacionadas aos consumos das organizações e de suas marcas. São estratégicas a este GT as discussões sobre: marcas e reputação; branding; eventos como estratégias de consumo das organizações; as relações com os consumidores; e a imbricação teórica a partir de estudos de caso sobre a relação entre o consumo e as relações públicas. O consumo das marcas organizacionais evidencia os artefatos tecnológicos como forma de inserção e participação social, possibilitando novas formas de expressão. Nesses cenários, as organizações escancaram suas virtudes e mazelas com a rapidez engendrada pela comunicação. Enfatiza-se o convite para reflexões concernentes às implicações culturais, políticas e sociais da contemporaneidade, à luz das teorias da comunicação que problematizam as organizações enquanto agentes dos mais diversos consumos midiáticos.

Palavras-chave: Consumos; Organizações; Comunicação organizacional; Marcas; Branding.

Coordenação: Profa. Dra. Mônica Fort (Universidade Tuiuti do Paraná/UTP)

Vice-coordenação: Profa. Dra. Inara Costa (Universidade Federal do Amazonas)

 

GT 3: DISCURSOS, IDENTIDADES E RELAÇÕES DE PODER

Ementa: Estudos dos discursos e da comunicação organizacionais. Linguagens, retórica e produção de sentidos em comunicação organizacional. Estratégias discursivas e de visibilidade. Identidade, ethos e construção de imagem. Planejamento, políticas e estratégias de comunicação organizacional. Discursos organizacionais, opinião pública, relações de poder e ética. Diferença, experiência e processos de subjetivação política nas organizações. Discurso organizacional e sociedade.

Palavras-chave: Discurso; Identidade; Relações de poder; Diferença.

Coordenação: Prof. Dr. Rudimar Baldissera (Universidade Federal do Rio Grande do Sul/UFRGS)

Vice-coordenação: Prof. Dr. Rennan Mafra (Universidade Federal de Viçosa/UFV e Universidade Federal de Juiz de Fora/UFJF).

 

GT 4: RELAÇÕES PÚBLICAS, POLÍTICA E SOCIEDADE

Ementa: Investigações sobre o papel das relações públicas e da comunicação organizacional nas dinâmicas sociais, na conformação da esfera pública, no desenvolvimento de controvérsias e nos conflitos de interesse. Estudos sobre os processos de formação e movimentação de públicos e da opinião pública. A comunicação para mobilização social e para a cidadania. Dimensões estratégicas da comunicação comunitária nos contextos das organizações. As atividades de relações públicas na construção da influência social e nos processos de comunicação pública e política.

Palavras-chave: Sociedade; Públicos; Cidadania; Comunidades; Política.

Coordenação: Prof. Dr. Márcio Simeone Henriques (Universidade Federal de Minas Gerais/UFMG)

Vice-coordenação: Prof. Dr. Daniel Reis Silva (Universidade Federal de Minas Gerais/UFMG)

 

GT 5: COMUNICAÇÃO INTERCULTURAL E INTERSECCIONALIDADE

Ementa: O GT se caracteriza pelo olhar interdisciplinar mediante a intersecção de saberes de outras áreas do conhecimento com a comunicação organizacional e as relações públicas. O grupo de trabalho trata da comunicação intercultural em paralelo com a interseccionalidade. Abriga discussões sobre a interposição e intersecção de sistemas de opressão que se caracterizam pela multidimensionalidade de formas de violência, tais como: de gênero, étnico-racial, classe, pessoas com deficiência, geracionais, imigrantes e outros grupos que representam movimentos minorizados. Articula reflexões epistemológicas sobre comunicação, diversidade, identidade, violência organizacional, preconceito, xenofobia, estereótipos e diferenças culturais. São aceitos trabalhos relacionados à interseccionalidade e violência nas organizações (gênero, questão etária, LGBTI, étnico-racial, pessoas com deficiência, migrações, entre outras). Além disso, também aborda a comunicação para a paz no contexto dos Peace Studies, e comunicação intercultural no âmbito da comunicação nas organizações e a participação da comunicação nos processos de internacionalização e fusão de empresas.

Palavras-chave: Interculturalidade; Interseccionalidade; Grupos minoritários; Comunicação para a paz; Violência organizacional.

Coordenação: Profa. Dra. Maria Aparecida Ferrari (Universidade de São Paulo/USP)

Vice-coordenação: Profa. Dra. Raquel Cabral (Universidade Estadual Paulista/Unesp)

 

GT 6: COMUNICAÇÃO DIGITAL, INOVAÇÃO E TECNOLOGIAS

Ementa: Teorizações, pesquisas, práticas e metodologias de Comunicação Organizacional e Relações Públicas no âmbito digital. As possibilidades de comunicação a partir de diferentes plataformas de tecnologias de informação e comunicação (TICs) e de seus impactos no processo de gestão e relacionamento nos ambientes organizacionais. Inovações tecnológicas e formas dinâmicas de expressão e comunicação nas organizações. Produção e gestão do conhecimento nas organizações e o papel da comunicação no processo de inovação. Estratégias, políticas e aplicações de comunicação e RP digitais no contexto das organizações. Redes e mídias sociais. A comunicação organizacional contemporânea, seus novos atores sociais e formas de relação com as marcas. Estudo dos influenciadores digitais e das novas tendências relacionadas à apropriação tecnológica na comunicação organizacional e nos relacionamentos com seus públicos. Estudos, pesquisas e processos envolvendo algoritmos, inteligência artificial, automatização de atendimentos, chatbots e afins.

Palavras-chave: Comunicação organizacional digital; Relações públicas digitais; Redes e mídias sociais; Inovação em comunicação; Tecnologias digitais.

Coordenação: Profa. Dra. Carolina Terra (Faculdade Cásper Líbero e Universidade de São Paulo/USP)

Vice-coordenação: Profa. Dra. Gisela Maria Santos Ferreira de Sousa (Universidade Federal do Maranhão/UFMA)

 

GT 7: COMUNICAÇÃO, ENSINO E ESTRATÉGIAS DOCENTES

Ementa: Estudos epistemológicos e metodológicos do campo acadêmico e científico de comunicação organizacional e de relações públicas. Caracterização de paradigmas e metodologias para o conhecimento científico dos processos comunicativos nas organizações. Processos de investigação e experiências para fundamentação do ensino acadêmico e as implicações da teoria e da pesquisa na formação dos profissionais. Estratégias docentes e práticas laboratoriais como base para as futuras atividades profissionais. Aspectos curriculares, metodológicos e didáticos que permitam a adoção de novos olhares sobre o ensino superior de Relações Públicas e Comunicação Organizacional.

Palavras-chave: Teorias, processos de pesquisas, metodologias aplicadas, ensino-aprendizagem, formação acadêmica.

Coordenação: Prof. Dr. Esnél José Fagundes (Universidade Federal do Maranhão/UFMA)

Vice-coordenação: Profa. Dra. Claudia Peixoto de Moura (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul/PUCRS)